Social Icons

12 outubro 2009

Delírio Emocional de 2° grau: Indignação, Abandono e Degradação

Parte II – Não quero me ver, eu idiota!

São onze da manhã, quarta-feira e a primeira vez que falto o trabalho pelo prazer de faltar. Não estou cansado ou doente, apenas desisti, essa é a questão. Porque insistir se nada me insiste? Há muito tempo planejava realizar esse feito, agora o concretizei. Coragem? Há, há! Não... Situações, lembranças, as criaturas bestiais com as quais convivo... E você, sua consciência podre! Tudo o que passou em minha mente esses últimos dias remexeu impurezas que escondi. Achava que se as escondesse, nunca mais viriam. Furtei meu próprio tapete, e agora tenho que ver toda a porcaria que escondia debaixo dele.
Meu sofá, minhas viagens de solitude, remoções, tentando reposições do que não consigo recolocar! Eu não consigo mais me ver, não sairei desta sala. Não por hoje. Suportar-me já passou dos limites. Aquela cara de quem não sabe o que fez, pensa no que pode ter feito, mas não faz o que está para ser refeito.
Não toco na minha face, não sei se estou com barba e nem se a remela matinal ainda está lá. O espelho é um cara com o qual não quero me encontrar. Ele me mostra. Eu idiota. Retardado por anos e anos, e sempre se achando esperto, elegante. Na verdade, deprimente, vulgar. Esnobe, porcaria de diplomas e certificados de merda. Um ser condicionado a não se achar condicionado. Um condicionador para os cabelos alheios. Uma fórmula secreta que na verdade nunca existiu, se impôs ficticiamente. Minha face agora é sebosa, na verdade sempre foi. Mas agora é como nunca! Notei isso em eu. Sim, agora vejo você, eu idiota! E quando finalmente o vi, não o quero mais.
Rejeito-me eu para não me retrair por causa de mim. Saia daqui! Quebrarei de olhos fechados e punhos cerrados todos os reflexos da imagem desse louco bêbado errante. E nem você, Mr. Jack, ouse mostrar em seu corpo despido aquele idiota que se chama pelo meu nome!

2 comentários:

Kamila Silva disse...

Muuuito bommm!!
Não que isso possa fazer alguma diferença pra você querido,mas gostei muito,muito mesmo...

Ei! tenta uma plástica kkkkkkkk
quem sabe né.

André Victor disse...

Hahahaha! Muito obrigado e continue olhando o blog, moça!